Thursday, August 20, 2009

As minhas motos ( VI )

.
Finalmente, à oitava tentativa, cheguei ao verdadeiro mundo das motos. As letras BMW, que significam Best Motorcycle in the World, transportam-nos a outra dimensão no mundo das duas rodas.
.



.
A BMW R1200RT é uma moto absolutamente fantástica. Na qualidade de construção, na segurança, no equilíbrio, nas características técnicas. Desde os travões ABS até ao computador de bordo, à suspensão electrónica, ao controle de tracção e aos punhos aquecidos, quase não lhe falta nada.
A aerodinâmica é exemplar. O conforto, uma referência.
Há um ano fui à fábrica de Berlim, na RT. Foram 3 dias para lá, e 2 dias para cá.
.

.
Antes da BMW RT, não imaginava ser possível fazer Paris - Lisboa num fôlego. Eu fiz. Foram 17 horas a rolar os 1800 km entre Paris e Carcavelos.
.
Agora estou sem moto. Um "enlatado" (automobilista) entrou na marginal sem respeitar um STOP e causou-me um acidente. Um braço partido, vários ferimentos e a moto na sucata.
Do mal, o menos. Podia ter sido muito grave, mas felizmente não foi. Mais duas semanitas e estarei ok.
(... continua...)
.

3 comments:

mdsol said...

Bolas, isto não estava no programa. Boa recuperação já que a mota segundo percebo não tem recuperação possível.
:))

António Torres said...

Muito obrigado.
:)))

Espumante said...

só agora dei pela notícia do acidente. Melhoras rápidas e um abraço